quinta-feira, 2 de outubro de 2008

TVI - HOJE - Amei-te em Copacabana


Ontem decidi tocar guitarra junto ao Elevador da Glória, na esperança que algum turista me desse uma moeda, ou que passasse o espírito da Amália e me considerasse um artista, alguém que produzisse arte, alguém que pudesse tocar no Olympia em Paris.

 

Mas nem um cêntimo. Nem um sorriso. Nem uma palmada nas costas. Nada. A indiferença absoluta. Até ao barulho de um martelo pneumático ou à broca do dentista as pessoas costumam reagir. A mim, nada.

 

Claro que a minha formação musical baseia-se toda no Guitar Hero da Playstation. Achei que era o suficiente. Creio que a minha lógica fazia muito sentido: mestre em Guitar Hero, mestre da guitarra. Aliás, várias vezes fui convidado pelo MIT para fazer palestras devido ao encadeamento do meu raciocínio e lógica.

 

Vim para casa triste, sabendo que nunca iria aparecer no programa Cartaz das Artes da TVI… como? Eu nunca aparecerei lá como guitarrista, mas esta noite irei aparecer como escritor? A sério? Quem és tu? Uma voz do além?

 

Voz do além: Sim, sou a voz do além. De quinta para sexta feira, à 1:45, o programa Cartaz das Artes da TVI vai falar sobre o teu novo livro. E por favor pára de tocar guitarra.

PS Comentários: Rita: :-) :-)  :-)As três folhas finais são para escrever a Wikipedia Salgueiro. Valentina: os excertos já acabaram. A partir de hoje voltou a ser seguro andar pelo blog; Sofia: sexo no livro?! A sério?! Onde?! Em que página?! É assim tão explícito!?; Lara: :-) :-) :-) obrigado.




Enviar um comentário