quarta-feira, 22 de outubro de 2008

MEREÇO SER EXPULSO DA VIA LÁCTEA

É uma vergonha que carrego às costas há 16 anos. Já tentei esborrachar os meus olhos contra kiwis para que nunca mais pudesse ver estas imagens. Mas apesar de os ter colocada na ponta de um martelo pneumático, apenas passei a ver a preto e branco e eles não afectaram a minha memória. E é nela que estas imagens estão gravadas para sempre.

Já pensei em contactar o cirurgião do Michael Jackson. Se o conseguiu passar de negro a branco, se calhar conseguirá pegar nos meus neurónios e apagar cirurgicamente estas memórias. Não vejo porque não há-de ser possível. Bem sei que não tirei curso de medicina, mas pelo que li na wikipedia tudo é possível. E se a wikipedia afirma, quem sou eu para contrariar.

Ano: 1992. Local: Estúdio das gravações da Roda da Sorte. Eu: com vinte anos, fazia parte do público habitual do concurso apresentado pelo Herman José. Estado: farto de meses de gravações, onde guinchava, fazendo de macaco, coiote, papagaio, e cantar músicas como “Goodbye Maria Ivone”. O que aconteceu: Ia ser lançado o filme Instinto Fatal. Naquela altura a Sharon Stone ainda não tinha enlouquecido dizendo querer dar injecções de Botox no seu filho. O jornal Sete trazia uma reportagem alargada sobre o filme. A meio de uma gravação, eu e mais dois amigos que estavam no público, líamos o jornal em voz alta. E isto foi o que aconteceu de seguida:


video
Enviar um comentário